UMA BIBLIOTECA VIVA E ATENTA Email: lajeosadodao@sapo.pt/bibliotecalajeosa@gmail.com
Segunda-feira, 1 de Fevereiro de 2010
OFICINA DOS SENTIDOS - Um novo projecto da BE

 

 

 

     A “Oficina dos Sentidos” nasceu no ano passado quando foi necessário abrir as portas e sair da escola para ir à Festa do Livro e da Leitura em Tondela. Trata-se de um projecto da nossa Biblioteca que aposta numa forte ligação entre as histórias, o “faz-de-conta, a expressão corporal, os livros, as imagens, os sons, a pintura, o desenho…

      Na verdade, a “Oficina dos Sentidos” procura ser um espaço vivo, experiencial e atento ao desenvolvimento psicológico de cada aluno, promovendo a igualdade de oportunidades de aprendizagem e a inclusão de todas as crianças com ou sem dificuldades.

      Consciente que uma escola que privilegie o desenvolvimento global e harmonioso de todos os alunos é um lugar onde, efectivamente, se procuram proporcionar as técnicas, os meios e o ambiente adequado ao pleno desenvolvimento da capacidade expressiva, criadora e construtiva da criança, a Biblioteca da EB 2,3 de Lajeosa do Dão deitou “mãos à obra” e, todas as terças-feiras, das 15:35h às 17:15h, explora com os alunos uma nova forma de conhecer e de aprender.

      Tal como refere o projecto “Ver, sentir, ouvir, cheirar e provar são meios de conhecer o Mundo e de interagir com ele. Aprender através da exploração dos sentidos, constitui-se para a criança, como uma actividade criadora e dinâmica e como forma de expressão única”. Deitando mão da criatividade e de uma boa dose de inovação, a equipa dinamizadora, formada pelas docentes Lúcia Almeida (coordenadora da BE), Teresa Pina e Ana Vicente (docentes da EE), procura suscitar nos alunos o gosto pelo saber e pelo aprender, sem esquecer a pessoalidade e a diversidade de cada um.

      O Projecto “Oficina dos Sentidos” assume-se assim na EB 2,3 da Lajeosa de Dão como um espaço aberto a todos os alunos, capaz de promover o gosto pelo saber, combater a exclusão social, o abandono e o insucesso escolar, reforçar a auto-estima, o desenvolvimento da capacidade comunicativa e criadora e o gosto pela escola, através do “aprender fazendo” e do “aprender sentindo”!

 

      Desta vez a sessão decorreu de olhos vendados, mas com o coração nas mãos. Foi uma história com sentidos lá dentro que fez descobrir as personagens e entrar no mundo dos invisuais, fazendo da ponta dos dedos os seus olhos… 

 

                                                                     Lúcia Almeida

 

 



publicado por lajeosadodao às 14:30
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
As Horas
pesquisar
 
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


posts recentes

Entrega dos prémios do co...

Dia Mundial da Paz

Aventura no carro encarna...

“Indo eu, indo eu a camin...

arquivos
links
Seguidores

Moodle BE (entrar como Visitante)

Wikipédia Portugal

ebook+ebook

Conversas com o Outono

Direitos Humanos

Os números

Biografia de Luísa Ducla Soares

Mulheres na República

Meninos de outra escola

álvaro Magalhães

Acordo ortográfico com bonecos

Rede de Bibliotecas de Tondela